Produtos Nós e o Davi

Lançamento: Bioliner da Nós e o Davi

Não pode ler agora? Ouça clicando no player:

A sua experiência com fraldas ecológicas nunca mais será a mesma com bioliner!

Esperamos muito por esse momento e, agora, podemos dizer que o nosso mais novo amor está disponível para compra: o Bioliner da Nós e o Davi

Bioliner Nós e o Davi

O forrinho é colocado entre a fralda e a pele do bebê e, basicamente, é só embrulhar o cocô e descartar tudo na hora da troca. Assim, bem prático mesmo!

O Bioliner da Nós e o Davi é um forro biodegradável que ajuda no cuidado e conservação da fralda ecológica, pois protege o tecido do cocô e, se necessário, das pomadas. O toque é suave, o que promove conforto para o bebê, e se ajusta na fralda de forma que não embola. 

Bioliner Nós e o Davi

Lembrando que não substitui o absorvente e também não é garantia de que não vão ocorrer manchas. O cocô líquido pode sim passar para a fralda, mas, mesmo assim, é uma sujeira muito mais fácil de limpar. Nesse post, ensinamos como lavar a fralda ecológica. Ainda, durante a troca, é possível usar o próprio forro para tirar o excesso de cocô da pele do bebê, ou seja, economia de algodão, lenço umedecido e água. Depois de tirar o excesso, é só fazer a limpeza como de costume.

Passear também vai ficar muito mais simples! Se precisar fazer a troca do bebê, na rua, basta recolher o cocô e jogar fora. Caso a fralda não suje, é possível continuar fazendo o uso da mesma. Agora, se precisar trocar a fralda, pode armazená-la na nossa sacola impermeável. A rotina na creche e com os cuidadores da criança  também fica mais descomplicada. Se você tem dúvidas sobre como lidar com as fraldas ecológicas na escola ou na creche, temos dicas aqui.

Onde descartar

O nosso Bioliner é feito de celulose – material natural que se encontra em abundância nos vegetais e usada como matéria-prima para produtos do nosso dia a dia – e pode ser descartado no vaso sanitário ou onde a família preferir. É, também, compostável. 

Pode ser descartado no vaso porque o material é certificado como biodegradável em água doce ou salgada. Porém, se atente se a sua tubulação é apropriada para receber derivados de celulose, afinal a decomposição não é imediata, então grandes quantidades de liner de uma vez só podem acabar entupindo o seu vaso. 

Aqui no Brasil, a cultura é de jogar papel higiênico no lixo. O grande problema de jogar o liner também no lixo é que vai parar em lixões, sem nenhum tipo de tratamento e, principalmente, estará envolto em plásticos, o que não ocorre sendo biodegradado no vaso sanitário. Fora do Brasil,  a cultura é de “flushable”, que é jogar tudo no vaso sanitário, com uma tubulação preparada para esse costume.

Se você precisar escolher por jogar o bioliner no lixo, equilibre o descarte reutilizando-o quantas vezes for possível para diminuir o impacto ambiental. 

Lembrando que o liner é um artigo que permite a transição mais amigável para as fraldas ecológicas, sendo, muitas vezes, um item indispensável para quem não sabe lidar com o cocô do bebê e ainda assim que muito deixar de usar fraldas descartáveis. Você sabe qual é o impacto das fraldas descartáveis para o nosso planeta? Além de proteger o tecido da fralda, principalmente do uso de pomadas, o que permite um maior tempo de vida útil e a possibilidade de que a mesma fralda seja utilizada por várias crianças.

Para que todo mundo possa usufruir da grande vantagem que é biodegradar o liner em vaso sanitário, é preciso que haja uma mudança sobre o tipo de descarte e tratamento correto dos nossos resíduos pelo Estado com as suas políticas públicas. Vamos lutar por isso juntos?

Usando Bioliner com pomada para assaduras e fungos

Não indicamos o uso de pomada com a fralda ecológica, pois pode impermeabilizá-la diminuindo, assim, o seu tempo de vida útil. A mesma situação ocorre, durante o tratamento de fungo, com as pomadas que podem danificar a fralda e o próprio fungo que pode penetrar no tecido. Com o Bioliner, é possível utilizar as pomadas e ainda fazer o tratamento de fungo sem estragar a fralda ecológica: ela fica protegida!

Gostou da nossa novidade? Clica aqui para comprar.

Ainda restaram dúvidas? Chama a gente no WhatsApp.

COMPARTILHAR

conteúdo por

Post anterior
Microplástico: o perigo invisível
Próximo post
Primavera, seja bem-vinda!

Leia também

Menu